Novos não, novíssimos.

Existem várias maneiras de se aumentar o mercado de um produto. Seja por novas formas de utilização, por estimular o uso mas freqüente ou pela conquista de novos consumidores, sempre há esperança de se conseguir vender mais.

Diminuir a idade de seu público-alvo é uma ótima opção. Principalmente se a empresa conseguir mantê-lo fiel pelo resto da vida. Nos EUA, empresas e lojas de cosmésticos estão promovendo festas de aniversário com manicure, pedicure, maquiagem leve e pintura no corpo. Nada de mais se não fosse por um detalhe. O número de velinhas no bolo variam entre 6 e 9 (The NY Times por UOL).

O que no passado era encarado como brincadeira de criança, hoje, é um mercado promissor. As crianças entre seis e nove anos se transformarão em consumidoras experientes antes mesmo de saírem do ensino fundamental. Um salão de beleza no Texas promove festas para estas garotinhas e oferece, também, um serviço de limusine. Cor-de-rosa, é claro. A bricadeira agora é de empresa grande. Esse novo comportamento é reflexo do que os especialistas chamam de Kgoy, das iniciais em inglês para "crianças se tornando mais velhas mais cedo". Em outras palavras, empresas fidelizando os consumidores mais cedo.

4 comentários:

redatozim disse...

É o que se vê também no futebol, Edu. Com 13 é um craque com empresário, representante, agente e vai para a Espanhaq. Com 23 está acabado em um timeco da Ucrânia.

Eduardo César disse...

É verdade, mas com um agravante. No caso do futebol, a criança, além de um consumidor precoce, também é a mercadoria.

RAFAEL PORTUGAL disse...

Pois aqui na América do Norte querem fidelizar antes do nascimento. Não é que o McDonald's canadense veiculava um anúncio de TV mostrando uma grávida viajando pela estrada no banco de passageiro de um carro indicando pro marido-motorista de que estava com desejo de parar na lanchonete do M amarelo... e no fim, ela passando a mão na barriga indicando que queria parar de novo...

Eduardo César disse...

É de sanduiche em sanduiche que se faz um big consumidor. E quanto mais cedo melhor. O próximo passo podeira ser uma big papinha.